VEJA MULHERES – 5 Filmes dirigidos por mulheres para ver em Março

0

As Sufragistas

(Suffragette, 2015)

Direção: Sarah Gravon

No início do século XX, após décadas de manifestações pacíficas, as mulheres ainda não possuem o direito de voto no Reino Unido. Um grupo militante decide coordenar atos de insubordinação, quebrando vidraças e explodindo caixas de correio, para chamar a atenção dos políticos locais à causa. Maud Watts (Carey Mulligan), sem formação política, descobre o movimento e passa a cooperar com as novas feministas. Ela enfrenta grande pressão da polícia e dos familiares para voltar ao lar e se sujeitar à opressão masculina, mas decide que o combate pela igualdade de direitos merece alguns sacrifícios.


Harriet

(2019)

Direção: Kasi Lemmons

O filme conta a história de Harriet Tubman (interpretada por Cynthia Erivo), ativista política que, durante a Guerra Civil americana, ajudou centenas de escravos a fugirem do sul dos Estados Unidos, logo depois que ela mesma tivesse conseguido escapar da escravidão, no ano de 1849. Ela foi a primeira mulher a comandar um pelotão do exército da União na ocasião de uma missão para libertar centenas de cativos no Sul. Suas ações contribuíram fortemente para que a história tomasse um novo direcionamento.


Três Verões

(2020)

Direção: Sandra Kogut

Edgar (Otávio Muller) e Marta (Gisele Fróes) formam um rico casal que todo verão, entre o Natal e o Ano Novo, recebe amigos e família para festas em sua mansão à beira-mar. Entretanto, quem de fato organiza a casa e gerencia os empregados é Madalena (Regina Casé), que sonha em comprar um terreno para que possa abrir seu próprio negócio. Para tanto ela pede ajuda ao patrão, que lhe empresta dinheiro para ser descontado mensalmente de seu salário, sem imaginar no quanto seria envolvida em seus negócios.


Torre das Donzelas

(2019)

Direção: Susanna Lira

Quarenta anos após serem presas durante a ditadura militar na Torre das Donzelas, como era chamada a penitenciária feminina em São Paulo, um grupo de mulheres, dentre elas a ex-presidenta Dilma Roussef, revisita a sua história em relatos carregados de emoção.

Veja também nossa lista: 5 Documentários além de Democracia em Vertigem


Câmara de Espelhos

(2017)

Direção: Dea Ferraz

Através de entrevistas realizadas com vários homens moradores da Região Metropolitana de Recife, este é um retrato aprofundado sobre o universo masculino e sobre como os homens enxergam o papel das mulheres na sociedade ocidental, tradicionalmente patriarcal e machista, e uma exploração minuciosa sobre a identidade feminina, sobre as violências sofridas pelas mulheres no Brasil e até mesmo sobre o cenário social e político do país.